Próximo Jogo
Vitória
< Voltar atrás
11 / 06 / 2021

Sentimento de perda por todo o País

Sentimento de perda por todo o País

 

O súbito falecimento de Neno, figura incontornável do Vitória e de Portugal, tem motivado uma onda generalizada de consternação. Mesmo no seu país natal, Cabo Verde, o Presidente da República, Jorge Carlos Almeida Fonseca mostrou-se "chocado com a notícia da morte de Neno".
Pedro Proença e Fernando Gomes, presidentes das duas principais instituições do futebol em Portugal, fizeram questão de enaltecer as qualidades humanas de Neno e o legado que deixa enquanto futebolista e enquanto ser humano. 
A consensualidade gerada por Adelino Barros fez com que, neste momento, clubes de todo o espectro competitivo nacional se juntassem para oferecer uma última palavra ao ex-internacional português. Desde SL Benfica e Vitória FC, onde Neno atuou como jogador, passando por clubes que só conheceu como adversário tais com o FC Porto, SC Braga, FC Vizela, Boavista FC, CD Mafra ou mesmo o inglês Wolverhampton Wanderers, entre outros, todos quiseram dizer presente na homenagem a Adelino Barros. 
Profunda cicatriz deixa a partida de Neno junto daqueles com quem partilhou o balneário, como Paulo Futre, que considera ser "a melhor pessoa que conheci no mundo do futebol. E conheci muita gente boa neste mundo, mas nenhum como o meu querido e grande amigo Neno". Mozer fala do seu enorme "astral", Rui Vitória de um dos melhores seres humanos que conheceu. Ricardo Quaresma, com quem privou mais de perto durante a época transata, deseja "que Deus o receba como guardião da baliza dos homens bons".
No entanto, Neno extravasava o futebol. E o sentimento de perda estende-se ao mundo do entretenimento, onde também era rei e senhor. Cristina Ferreira e Sónia Araújo juntam-se na tristeza da notícia enquanto João Reis ou António Sala recordam momentos marcantes e palavras trocadas.
O mundo político não ficou de fora e Domingos Bragança, presidente da autarquia vimaranense, afirma que Neno "tornou-se uma referência do Vitória e da cidade de Guimarães, perante os laços que construiu ao longo da sua vida, sendo um autêntico embaixador quer do Vitória como de Guimarães, e um exemplo ainda no plano desportivo e social". 
Todos reconhecem que o mundo não será o mesmo. Resta tentar seguir em frente da mesma forma com que Neno encarava a vida: com um sorriso nos lábios.

Sentimento de perda por todo o País