Próximo Jogo
Futebol
< Voltar atrás
31 / 10 / 2020

João Henriques: "Queremos iniciar um ciclo positivo"

João Henriques:

Antevisão da partida com o Gil Vicente FC

O Vitória SC desloca-se, este domingo, ao terreno do Gil Vicente FC para disputar mais uma partida da I Liga. Na conferência de imprensa de lançamento do encontro, o treinador vitoriano, João Henriques, demonstrou a vontade de todo o grupo em querer começar um ciclo positivo. "Vamos ser uma equipa competitiva, a tentar fazer o que de bem mostramos nas últimas jornadas. De semana para semana, estamos mais fortes, mais sólidos, queremos mostrar isso em campo. Vimos de uma derrota, não queremos acumular situações que não nos sejam favoráveis, queremos iniciar um ciclo positivo. Queremos entrar num novo ciclo com a conquista de pontos em Barcelos. Desde que entrei encontrei um ciclo curioso, primeiro no Bessa, com um clássico cheio de rivalidade, depois em casa no dérbi do Minho e agora novamente com outro dérbi do Minho antes de recebermos o Sporting em casa".

O adversário desta jornada é o Gil Vicente FC, que na opinião do treinador do Vitória SC, é uma equipa que causará problemas, mas que os vimaranenses tentarão contrariar. "O Gil Vicente FC demonstrou que é uma equipa consistente, organizada, com boas individualidades, que já sabe o que tem de fazer coletivamente, as ideias que foram trazidas por este treinador. É uma equipa competitiva, mostrou isso contra quem jogou anteriormente. Já na época passada o Gil Vicente FC fez do seu reduto o local onde conquistou o maior número de pontos, apesar de ter trocado de treinador, o que mostra que é uma equipa que quer fazer do seu estádio o local onde conquista mais pontos. Nós vamos contrariar o que este Gil Vicente pode fazer". 

Donos da defesa menos batida do campeonato, mas também de uma equipa com dois golos marcados nesta edição da prova, o Vitória SC pretende aumentar a sua veia goleadora. "Obviamente que vamos a todos os jogos com o mesmo objetivo, independentemente do adversário ou do local do jogo. Estamos conscientes de que no processo ofensivo a equipa está em débito em relação à finalização. Queremos criar mais e ser mais objetivos. É uma questão que temos vindo a trabalhar. Não é uma preocupação exagerada, mas queremos ter mais presença na área para temos mais remates e mais lances de perigo. Os dois golos marcados nestas jornadas não fazem jus ao que o Vitória SC tem de ser. No processo defensivo estamos satisfeitos, queremos ser ainda mais efetivos a recuperar a bola longe da nossa baliza, o que nos vai permitir estar mais perto do baliza do nosso adversário. Foi isso que se viu da primeira para a segunda parte no último encontro. Queremos ser uma equipa mais perigosa, mais eficaz".

Questionado sobre o que equipa precisava de alterar para se tornar mais eficaz ofensivamente, João Henriques partilhou algumas das nuances trabalhadas durante estas três semanas. "Quando o coletivo cresce, as individualidades vão beneficiar disso. Quando vemos um jogador na área para quatro ou cinco adversários sabemos que é mais difícil encontrar o caminho para o golo. Se tivermos mais presença na área, temos mais possibilidades de fazer golo. No Bessa fizemos o golo porque tínhamos vários jogadores na área, em casa com o SC Braga tivemos uma ocasião pelo Quaresma porque tínhamos mais presença na área. Estamos a trabalhar para ter mais presença na área. Estamos a trabalhar as nossas dinâmicas, mas para resultarem tem de ser com um trabalho consolidado. Trabalhamos a finalização em todas as sessões de treino, os posicionamentos da equipa. Isso vai aparecer com naturalidade com o avolumar do trabalho. É um trabalho de alguma paciência, que vai ter os seus frutos porque as individualidades estão cá e têm qualidade".

O Vitória SC defronta o Gil Vicente FC neste domingo, às 17h30, em partida a contar para a jornada 6 da I Liga.

João Henriques: "Queremos iniciar um ciclo positivo"