Próximo Jogo
Futebol
< Voltar atrás
14 / 01 / 2016

“Queria estar ali mas vou regressar mais forte”

“Queria estar ali mas vou regressar mais forte”

Alex recupera de intervenção cirúrgica

A 14 de Novembro de 2015, Alex recebia a “pior notícia” da sua carreira. Quando o extremo se preparava para assumir um papel de destaque na equipa de Sérgio Conceição, uma grave lesão afastou-o dos relvados, impedindo-o de jogar até ao final da presente temporada.

Depois do “choque inicial”, o jogador procurou reerguer-se e contou com a ajuda dos seus amigos e familiares, bem como da namorada, que tem sido o seu “principal apoio”. Hoje, volvidos dois meses, Alex já se apresenta “mais animado, ainda que olhar para o relvado e ver os colegas a treinar é algo que dói porque queria estar ali com eles”.

O número 14 do Vitória encontra-se agora num período que visa a estabilização articular e correcção postural, fazendo por isso trabalho de reforço muscular no ginásio. É a partir de lá assiste aos treinos, sendo que faz questão de ir a todos os jogos do Vitória. E foi a partir dos camarotes do palco do Rei que o atleta se emocionou com a homenagem dos colegas aquando do triunfo frente ao Rio Ave.

“Ao longo deste processo, emocionei-me por duas vezes. Uma foi quando soube da lesão e a outra foi quando vi os meus colegas a dedicarem-me a vitória no jogo com o Rio Ave. Não estava a contar com aquilo e ajudou-me imenso sentir que eles não se esquecem de mim. Nunca se esquecem, nem eles nem o ‘mister’, que todos os dias me pergunta como é que eu estou. Aliás, recordo-me que a primeira visita que recebi assim que sai da sala de operações foi do Sérgio. Ele tem procurado motivar todo o grupo e é o primeiro a passar a mensagem de que todos contam e todos são importantes, desde os titulares aos lesionados. E para um jovem como eu é muito importante saber que não somos esquecidos e que continuamos a ser bem acompanhados”, disse o jogador ao sítio oficial do Vitória SC.

O optimismo do jogador foi claro ao longo de toda a conversa e as palavras por ele proferidas deixam-nos com uma certeza: Alex irá regressar mais forte. Os vitorianos esperam por ele e ele mostra-se focado em recuperar rápido e bem para voltar a fazer aquilo que mais gosta. Para já, torce por fora pelo sucesso da equipa e garante: “A equipa está diferente, está melhor. Tem alma, tem raça e tem muita vontade em crescer e ganhar. Acredito, por tudo isso, que vamos fazer uma segunda volta melhor que a primeira e orgulhar todos aqueles que gostam do Clube”.

“Queria estar ali mas vou regressar mais forte”